sexta-feira, 21 de maio de 2010

El Secreto de sus Ojos, de Juan José Campanella


1999, Benjamin Esposito, um oficial de justiça recentemente aposentado, começa a escrever um romance policial sobre um caso que o próprio investigou em 1974.
Ao regressar ao passado ele vai questionar a forma como a investigação foi feita na altura e tentar ao mesmo tempo encontrar as respostas que ficaram por resolver de um crime que mexeu com a vida de várias personagens e que, passados tantos anos ainda pode vir a mexer.

Este foi um dos filmes que causou surpresa na ultima cerimónia dos Oscars ao arrecadar a estatueta de Melhor Filme Estrangeiro, batendo os favoritos O Laço Branco, de M. Haneke e Um Profeta, de Jacques Audiard.
O argumento, do próprio realizador é adaptado da obra de Eduardo Sacheri e tem todos os condimentos que uma obra deste género deve ter: suspense, romance, mistério, humor...
Destaque ainda para a interpretação de um dos principais actores argentinos, Ricardo Darín, no papel de Benjamín.

NOTA: 8/10


2 comentários:

patxocas disse...

Fui ver o filme hoje e adorei.
Pensava que ter deixado o Robin Hood para outro dia seria algo de que me iria arrepender. Mas não!
Adorei o filme.
A cena do elevador é de cortar a respiração.

E a maneira como o Sandoval atendia o telemóvel fez-me rir bem alto.
Muito bom o filme. ;)

João Bizarro disse...

Patxocas, acho que fizeste uma boa escolha.

Para além de ser um bom filme, é capaz de ficar menos tempo nas salas que o Robin Hood.