quinta-feira, 8 de outubro de 2009

The Taking of Pelham 1 2 3, de Tony Scott


Tony Scott tem alguns dos melhores filmes de acção dos últimos tempos. Com alguns dos mestres do género dos anos 80 (caso de John McTiernan) em stand by, é o irmão de Ridley Scott que tem assumido o protagonismo recentemente.

Este é mais um caso de um bom filme de acção, baseado num livro de John Godey (pseudónimo de Morton Freedgood) que já havia sido adaptadocinema em 1974 por Joseph Sargent. E esta nova versão peca em muitas coisas em relação ao filme anterior. Desde logo a revelação da identidade dos bandidos, coisa que não acontecia no filme de Sargent, com estes a serem apenas conhecidos por cores (pormenor repescado por Quentin Tarantino para o seu Reservoir Dogs): Mr. Brown, Mr. Blue, Mr. Green... o que quer queiramos quer não tira alguma emoção à trama.

Nesta nova versão Walter Garber (Denzel Washington), é um controlador de tráfego da linha do metro de Nova Iorque que se vê envolvido no sequestro de um dos comboios por quatro bandidos armados, comandados por Ryder (John Travolta), líder tão brilhante quanto implacável, que ameaça matar a sangue frio os 18 passageiros caso o resgate de um milhão de dólares não seja pago no prazo máximo de uma hora. Garber e Camonetti (John Turturro), negociador da polícia de Nova Iorque, são as pessoas do outro lado do telefone que usarão todos os meios para vencer os criminosos e salvar os passageiros. Mas um problema continua sem solução: mesmo que os ladrões consigam o dinheiro, como poderão escapar da linha de metro?

Curiosidade: O título da obra original refere-se ao metro que partia da estação Pelham Bay Park, à 1h23.

NOTA: 7/10


3 comentários:

Jackie Brown disse...

Para mim foi uma decepção.
Esperava muito mais, e tenho pena por Travolta, muito mal dirigido.

Cumps ;)

João Bizarro disse...

Decepção não digo mas para quem viu a versão dos anos 70, este fica um bocado a desejar!

Mary disse...

Tal como Jackie Brown, também foi uma decepção: fiquei com a sensação que as melhores sequências de accção estavam no trailer. Estava à espera de mais.